sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Não é uma dor, uma saudade,um aperto no peito ou até mesmo a solidão que irá me derrubar.
Não é um sorriso, um buquê de flores, um dia ensolarado ou até mesmo a calmaria ao meu redor que irá amansar meu coração.
Quero um dia nublado, mas com você do lado, acolhendo-me, aquecendo-me. Quero reconhecer que somos formiguinhas inocentes, mas que podemos carregar, em conjunto, o nosso alimento; podemos construir nosso lar para esperar o inverno e passá-lo em paz. Quero todos os 365 dias sem dor, sem lágrimas, sem visão ofuscada.
Preciso do amor. Enfim, o amor. Para libertar a alma, para colorir o rosto, para brilhar os olhos. Quero o amor com toda a pureza que há. O amor com o fogo que arde nossos corpos, que transpiram as mãos, que tremem as pernas. O amor que me faz flutuar, que me permite gritar e não ensurdecer ninguém ao meu lado.
Na verdade, eu quero a pura, a calma, a eterna paz!



Perdoem-me o sumiço tanto aqui quanto no blog de cada um.
A vida anda corrida. Os pensamentos não se organizam e por isso peço desculpas
também pela falta de criatividade no post.
Ando esperando a ação do tempo para reorganizar a minha alma.
Enquanto isso, eu vou visitando cada um aos poucos
e postando sempre que possível.
Um beijo a todos.

8 comentários:

Luna Sanchez disse...

A alegria grande está mesmo nas coisas pequenas, eu concordo.

Não é hipocrisia, é fato.

Boa sorte aí, Miri, que tudo entre logo nos eixos.

;)

Márcinha Mendonça disse...

Passando para Desejar um final de Semana repleto de muita paz,
amor, coloridos e cheio de alegrias, beijos Meus :)

Gabriela Freitas disse...

Quero essa paz também, e estou lutando por ela, só assim ela vem.

Charles Canela disse...

passeando pelos blogs do nosso brasil e cheguei até aqui...adorei...bjs de um novo amigo

deia.s disse...

"Quero um dia nublado, mas com você do lado, acolhendo-me, aquecendo-me."

Que bonito miri :)
Bom fim de semana.

(F)

http://amar-go.blogspot.com/

Gu Paiva disse...

Porque não há tempo ruim pra amar.

Sr. Lunático disse...

Amar não exige tempo, uma data ou hora marcada. Saudades.

Gabriela Freitas disse...

Volte, quero mais dos seus textos! :3

Postar um comentário